top of page

FIQUE LIVRE DAS SUAS DORES!

  • Vitor Maneschy

Dor de cabeça: Algum músculo influência?

Atualizado: 19 de jul. de 2023

Hoje iremos falar um pouco sobre cefaleia tensional, doença mais comum em mulheres, que pode ocorrer com baixa frequência ou até mesmo de forma crônica.


O que é a cefaleia tensional?

A cefaleia tensional é um tipo de dor de cabeça comum que é causada por tensão muscular na parte superior do corpo, principalmente nos ombros, pescoço e cabeça. A dor é descrita como uma pressão ou aperto constante, geralmente em ambos os lados da cabeça.


Homem com as mãos na testa, sentindo dor de cabeça.
Fonte: Google Imagens

Sintomas

Pessoas que sofrem de ansiedade, estresse ou depressão estão mais propensas a desenvolver cefaleia tensional. Indivíduos que trabalham em ambientes estressantes ou que têm maus hábitos posturais dividem esse elevado risco de serem afligidos com essa condição. Além disso, mulheres com idades entre 20 e 50 anos possuem maior chance de desenvolver a doença.


Sintomas podem variar de acordo com cada paciente, porém estes são alguns dos mais comuns:


  • Dor em forma de pressão em toda a cabeça, como se tivesse um capacete apertado na cabeça;

  • Dor que afeta os dois lados, na nuca ou na testa;

  • Sensação de pressão atrás dos olhos;

  • Sensibilidade excessiva nos ombros, pescoço e couro cabeludo.


Tipos dessa condição

Importante frisar que esta é uma condição que pode se manifestar em três tipos:

  • Cefaleia tensional pouco frequente: acontece apenas 1 a 2 vezes por mês;

  • Cefaleia tensional muito frequente: acontece cerca de 1 a 2 vezes por semana;

  • Cefaleia tensional crônica: acontece mais do que 15 dias por mês, podendo também durar meses ou anos.

A diferença entre dor aguda e crônica:

A dor aguda é uma sensação intensa e de curta duração, geralmente causada por algum trauma ou lesão. Por outro lado, a dor crônica é persistente e pode durar até três meses. É capaz de ser desencadeada por fatores físicos, emocionais ou psicológicos e é mais difícil de tratar, afetando a qualidade de vida do paciente.



Músculos suboccipitais

Os músculos suboccipitais são um grupo de três músculos localizados na parte de trás da cabeça. Este grupo é responsável ​​pela flexão, extensão e rotação da cabeça, enquanto também fornecem auxílio em manter o equilíbrio e regular a postura. Este grupo muscular é composto pelo músculo suboccipital maior, o músculo suboccipital menor e o músculo oblíquo superior.


Ilustração que mostra onde ficam os músculos suboccipitais no corpo humano.
Fonte: Google Imagens


Lesões ou alguma perturbação nestes músculos podem estar diretamente afetando a condição do paciente e favorecendo a progressão da cefaleia tensional. Portanto, deve ser investigado para determinar se existe um problema local que possa agravar a situação.


Tratamento

Em casos de pacientes com cefaleia tensional, existem alguns tratamentos recomendados e o uso de remédios ao mesmo tempo, de bolsas de gelo é bastante mencionado. Entretanto, ofereço uma segunda opinião: tratamento combinado e multidisciplinar.


Doutor atendendo paciente.


Por meio das abordagens de terapia manual, liberação miofascial e agulhamento a seco, o fisioterapeuta é capaz de entregar o melhor resultado para o paciente, uma terapia combinada que consiste em retornar ao paciente todas as capacidades de uma vida mais saudável e livre de dor, enquanto ganha a prevenção contra dores futuras.


Liberação Miofascial

A técnica de liberação tem se mostrado um grande sucesso ao lidar com casos de dores crônicas, musculares e envolvendo má postura, que são os pilares da cefaléia tensional. Esta técnica envolve a aplicação de pressão em pontos específicos do corpo para aliviar a tensão muscular e a dor associada. Ela tem a capacidade de auxiliar com os sintomas que envolvem a doença, incluindo aumentar as chances de futuras recaídas. Sem falar que o uso dessa abordagem é capaz de providenciar uma maior flexibilidade e mobilidade.




Imagem que demonstra técnica de Liberação Miofascial.

Agulhamento a seco x acupuntura

Existe uma certa confusão ao mencionarmos "agulhamento" em uma sessão de fisioterapia, isso devido à ideia que é o equivalente à acupuntura, vamos esclarecer a diferença.


A acupuntura é uma técnica milenar de cura que envolve a inserção de agulhas finas em pontos específicos do corpo para estimular o fluxo de energia.


Enquanto isso, o agulhamento a seco é uma técnica mais recente que envolve a inserção de agulha e em conjunto com um dispositovo, projetado especialmente para estimular os mesmos pontos de acupuntura. É uma abordagem menos invasiva e pode ser usada para tratar uma variedade de condições, incluindo dor, ansiedade e depressão.


Vantagens da terapia manual

A terapia manual é uma abordagem de tratamento fisioterapêutico que envolve o uso de técnicas manuais para tratar lesões músculo esqueléticas, dores crônicas e outras disfunções. Estas técnicas incluem mobilização articular, manipulação vertebral, massagem, estiramento, alongamento, liberação miofascial, entre outras. O objetivo deste tipo de tratamento é restaurar a função, aliviar a dor e melhorar a qualidade de vida do paciente. É usada para tratar uma variedade de condições, incluindo dor nas costas, no pescoço, nas articulações, lesões esportivas, lesões por uso excessivo, entorses, tendinites, entre outras. Vantagens de utilizar esse método incluem:

  • Alívio da dor;

  • Prevenção de lesões;

  • Redução do estresse.

A terapia combinada

Para obter o benefício completo e resultado superior durante sua recuperação, optar por uma terapia combinada, usufruindo o tratamento de agulhamento a seco, a facilidade para destravar os pontos gatilhos da dor é elevada e como resultado, acelera o processo de cura. Estudos já comprovaram a eficácia deste método em pacientes com alguma forma de dor de cabeça; entretanto, a combinação de técnicas de uma única área não são o suficiente para cobrir a extensão do problema.


Além da fisioterapia, tratamento multidisciplinar

Está comprovado que os estresses do trabalho, vida pessoal, doenças e outras fontes de pressão estão diretamente ligados ao desenvolvimento de condições como a cefaléia tensional. A necessidade por um meio de se recuperar além do físico é claramente uma necessidade. Em diversos estudos, somos capazes de observar uma recuperação com melhor qualidade em pacientes que fizeram um acompanhamento composto por medicamentos, fisioterapia e ajuda de psicólogos.



Equipe médica multidiscipllinar.


TCC (Terapia Cognitiva Comportamental)

Esta terapia tem o propósito de ajudar as pessoas a identificar e alterar padrões de pensamento e comportamento que contribuem para o estresse. Seu objetivo é auxiliar os pacientes a desenvolverem habilidades para lidar com seus problemas de forma mais saudável.


Um profissional certo para você!

O Dr. Edson usufrui com maestria das mais modernas tecnologias e em conjunto a seu tratamento humanizado, seus pacientes contam com mais do que um profissional da saúde, mas sim um verdadeiro parceiro.

Effectiveness of dry needling for headache: A systematic review.

Effectiveness of physical therapy on the suboccipital area of patients with tension-type headache.

A meta-analysis of randomized controlled trials.

Manual therapy in adults with tension-type headache: A systematic review.

Tension-type headache by José Geraldo Speciali, Alan Luiz Eckeli and Fabíola Dach. Publicado pela Expert Reviews.

Tension-type headache by Sait Ashina, Dimos D. Mitsikostas, Mi Ji Lee, Nooshin Yamani, Shuu-Jiun Wang, Roberta Messina, Håkan Ashina, Dawn C. Buse, Patricia Pozo-Rosich, Rigmor H. Jensen, Hans-Christoph Diener and Richard B. Lipton. Publicado pela PRIMER.




13 visualizações0 comentário

댓글


Não deixe a dor controlar sua vida!  Busque o tratamento que você merece!

Marque uma consulta agora mesmo e recupere sua saúde e bem-estar

coluna_vertebral_edson_santiago-01-01.jp

AGORA QUE JÁ NOS CONHECEMOS

ENTRE EM CONTATO!

Whatsapp

Ou me ligue (11) 96933 - 5115

Ícone Whatsapp para whatsapp do Edson Santiago
bottom of page